quarta-feira, setembro 24, 2008

Cantar

Alguém irá cantar para mim quando eu partir
E as mãos do tempo irão tocar o dia.
Minha dor voará por sobre as casas
Gritando
um sim.
Alguém irá cantar
para mim quando eu partir
E minha semente
seguirá com o fardo da batalha
e da esperança louca,
O vento acusará os vermes
que sugaram minha medula,
os seres pobres
que ficaram no caminho.
Alguém irá cantar quando eu partir
sem saber se partir tem algum propósito
ou se é somente o proximo engano.
irei me despindo aos poucos
diante do olhar mesquinho
de quase todo mundo
até ficar inteiro novamente
como sempre foi
enquanto consegui cantar.

segunda-feira, setembro 22, 2008

Ela

Será que ela sabe o quanto?
Terrtórios inexplorados e imensos
esperando o olhar dela para existir.
Mas talvez nunca existam,
leis inesgotaveis,
regras gigantescas,
e uma cara hedionda me olhando
no espelho....
Será que ela sabe o quanto?

quarta-feira, setembro 17, 2008

Cerveja no domingo.

Existem pessoas importantes nas ruas e avenidas,
motivações santificadas florindo ao sol nascente,
Escolhas cruciais sendo tomadas nas latrinas.
Nas arquibancadas dos açougues
sangue jorra cantando aleluias a locomotiva do amanhã
e enquanto a importância arranca a pele fresca do momento,
Eu bebo cerveja aos domingos.
Sei que existem fracassados e heróis
bandeiras, bundas, paraisos valentia e talvez
alguma
esperança.
Mas quando me permito esqueçer
a guerra,
quando a furia da metralha e o desejo louco de existir se calam
eu sento,
talvez com algum blues
fico em paz com tudo
e bebo cerveja
no domingo.

terça-feira, setembro 16, 2008

Ao Deus Desconhecido.

O vale é mais perigoso quando
a chuva ameaça e não vem
Pó na gola de nossas camisas,
o gado sedento sem agua
E os filhos do patrão devorando toda comida
Os mais velhos sussuram escuros segredos
Loucos, os jovens bebem como servos dementes.
A cabeça de meu cavalo tombou com um baque
e minha mulher estremece se tardo.
Mas precisamos atravessar esses dias
e seus maus presságios
tributos sem resposta a um deus
que já não serve.

Doce e amargo...B.J Thomas legendado !

video