terça-feira, outubro 02, 2007

Mensagem

A doçura do sorriso dela,
Cavalga o vento do oceano.
O mar acaricia cada sonho que lanço,
De mim em sua direção.
Um dia claro com pessoas rindo,
Céu azul e o risco
De estar vivo por detrás de cada coisa...
Mas não precisamos falar disso,
Nem subtrair das centelhas do agora,
A parte infinita de cada circunstância.
Lanço-me para o futuro com as minhas esperanças
Para de mãos dadas no agora
Terminar o dia olhando o pôr do sol!

Um comentário:

jorginho disse...

Leal,lí o estio e o fardo,mas prefiro comentar MENSAGEM,pois lembra-me muito uma pulga que namorei na adolescencia.Mulher como aquela nunca mais encontrarei.Dócil e saltitante,mesclava como ninguem alegria a uma serenidade poética que a fazia encantadora.Mas a vida é assim mesmo:Nada é perfeito.No mais,tenho um novo blog e gostaria que vc desse uma olhada:bostamcity.blogspot.com